Como melhorar a comunicação com seus clientes

Quem trabalha na área jurídica, principalmente em escritórios de advocacia, deve compreender a importância de estabelecer e manter uma comunicação eficiente com os clientes. Mas essa não é uma tarefa fácil para todos os profissionais. Enquanto alguns encaram a conversa com os clientes sem problemas, outros preferem passar a tarefa para funcionários ou colaboradores. Porém, a comunicação entre advogado e cliente é fundamental para que todas as questões fiquem suficientemente esclarecidas para ambos os lados e não restem ruídos de nenhum tipo. Além disso, nunca existiram tantas opções de comunicação como atualmente, desde os meios convencionais até os mais inovadores.

Mostramos a seguir por que uma boa comunicação com seus clientes é tão importante e como melhorá-la. Acompanhe:

O desafio de manter uma comunicação com os clientes

O principal desafio de quem lida diariamente com parceiros, colaboradores e clientes é estabelecer uma comunicação eficiente, transparente e direta.

Mesmo que o advogado desempenhe diversas ações no decorrer de seu dia, é essencial encontrar disponibilidade para gerenciar o seu escritório e cuidar adequadamente da comunicação com os clientes. Sendo assim, os encontros pessoais são essenciais para eliminar qualquer dúvida de ambos os lados. Informá-los regularmente a respeito de seus casos para que confiem na sua atuação também é importante.

Assim, é fundamental estabelecer estratégias e modos de trabalho que qualifiquem a relação entre o profissional e cliente.

Como qualificar a relação entre advogado e cliente?

Ao buscar pela ajuda de um advogado, o cliente está em busca de alguém que lhe passe confiança, segurança e ética para cuidar de uma necessidade específica na Justiça.

No entanto, como trabalhar isso de uma forma que o cliente se sinta satisfeito? Confira a seguir alguns itens fundamentais que podem ser analisados pelo escritório ou o advogado autônomo para atingir essa meta e fidelizar os clientes:

1. Honestidade desde o primeiro contato

Na primeira reunião, o advogado ainda não conhece a necessidade do cliente. Por isso, é essencial que o profissional se apresente totalmente disposto a atender ao interesse do cliente, sendo honesto sobre as possibilidades de vitória da causa, ético e educado. Se a causa não estiver dentro da sua área de atuação, indique um advogado qualificado para assessorar a pessoa adequadamente. Essa sinceridade pode resultar em futuras indicações, caso a pessoa precise de auxílio em outro momento, ou mesmo se for solicitada a repassar o seu contato para conhecidos.

2. Meios de comunicação com o cliente

O relatório O Futuro Digital do Brasil em Foco 2015 mostrou que cerca de 40 milhões de pessoas utilizam a web no país através de seus celulares ou tablets. Além disso, internautas brasileiros são os que mais passam tempo nas redes sociais: de acordo com o relatório, a média do país é 60% superior à de todo o restante do mundo. Os brasileiros gastam aproximadamente 650 horas mensalmente nas mídias sociais.

Fica evidente que a maneira de se comunicar se modernizou em todas as classes econômicas. Portanto, é muito importante que o advogado ou o escritório entenda essas particularidades individuais para se adequar as necessidades de seus clientes e parceiros.

Cada cliente conta com uma opção diferenciada de comunicação, como ligação telefônica, e-mail, reunião pessoal, reunião virtual ou mesmo troca de mensagens instantâneas. É preciso saber utilizar cada uma dessas ferramentas de modo a agilizar a comunicação e torná-la mais efetiva.

3. Formulação de uma rede de contatos

Os clientes já atendidos, os clientes que ainda necessitam de alguma ajuda, empreendimentos e advogados parceiros, bem como pessoas que integram a sua rede de contatos precisam ser adicionadas a um cadastro. Dessa maneira, você terá maior organização e facilidade para encontrar informações ou agendar reuniões.

4. Investimento em marketing

Quem não aparece, não é lembrado. Dessa maneira, o investimento em marketing gera mais valor ao seu serviço, diferenciando-o e servindo como chamariz para outros clientes em detrimento de seus concorrentes. Ao maximizar e apresentar as qualidades do seu escritório para o público, o marketing trata de ampliar as suas possibilidades de fidelizar os clientes.

É através do marketing que o advogado encontra meios de estabelecer uma ponte entre os clientes e o seu escritório. A partir dessa primeira boa impressão, cabe ao advogado e toda a sua equipe trabalhar na comunicação com o cliente, oferecer atendimento personalizado e certificar-se de que a opção pela contratação foi correta. Basicamente, a missão do marketing é apresentar e estabelecer a sua imagem no mercado. Contando com um serviço de qualidade, é natural que o cliente repasse o seu contato para outras pessoas e sempre recorra aos seus préstimos.

Como anda a comunicação com os seus clientes? Acesse agora mesmo a Debit e conheça o sistema que vai revolucionar a gestão do seu escritório!

Add a Comment

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *